domingo, 30 de setembro de 2007

7 pecados da dieta


Dez milhões de pessoas fazem dieta para emagrecer no Brasil, mas elas só serão capazes de vencer o duelo contra a balança caso mudem radicalmente seus hábitos alimentares e sejam menos sedentárias.


Monica Weinberg





Foi a conclusão a que chegou uma nova pesquisa que ouviu 1 500 pessoas de diferentes idades e classes sociais em oito capitais brasileiras. Outros estudos já haviam apontado nessa direção. O atual levantamento, conduzido pelo instituto Synovate e pelo Hospital do Coração de São Paulo, tem o mérito de fornecer um mapa detalhado dos maus hábitos mais praticados por brasileiros que querem emagrecer. Alguns deles, como calcular o número de calorias sem apuro, exigem apenas um grau adicional de atenção. Comer menos carne vermelha, aderir aos legumes ou não saltar refeições, por sua vez, pressupõem uma nova cultura à mesa. Sem isso, no entanto, o fracasso é iminente. Eis os sete erros mais freqüentes nas dietas – e as medidas práticas sugeridas por especialistas para torná-las mais eficazes:


1 FAZER JEJUM
Conclusão da pesquisa: os brasileiros em dieta têm o hábito de passar mais de quatro horas sem comer entre as refeições.
Por que prejudica a dieta: jejuns tão prolongados provocam no organismo uma reação de autodefesa: ele passa a poupar energia – e por essa razão o metabolismo desacelera. Para a dieta, há três conseqüências negativas, afirmam os especialistas. A primeira é que assim o corpo começa a gastar calorias a um ritmo mais lento. Em segundo lugar, com a digestão mais demorada o organismo absorve uma porção maior da gordura dos alimentos. O terceiro efeito ruim, esse mais esperado, é que as pessoas em jejum vão à mesa com avidez – e comem em média 30% mais do que as outras, segundo foi recentemente quantificado no Brasil
Dica dos especialistas: consumir porções modestas de alimentos a cada três horas – e não pular nenhuma das refeições do dia. Mantidos tais intervalos, o organismo ficará em permanente atividade e, por essa razão, será capaz de queimar calorias a um ritmo pelo menos 10% maior .



2 ABUSAR DE COMIDA CONGELADA LIGHT DE SUPERMERCADO
Conclusão da pesquisa: as pessoas em dieta costumam fazer uma das refeições do dia à base desse tipo de alimento. Acham que desse modo exercem maior controle sobre a quantidade de calorias que estão ingerindo, uma vez que ela aparece na embalagem
Por que prejudica a dieta: o número de calorias de um alimento é em geral calculado com base numa fatia e raramente na porção completa. A experiência dos consultórios mostra, no entanto, que muitas pessoas erram na conta ao tomar a parte pelo todo. Resultado: elas pensam estar diante de um prato levíssimo, quando freqüentemente se trata de uma bomba calórica
Dica dos especialistas: limitar-se a pratos congelados cujo valor calórico não ultrapasse 600 calorias e que contenham no máximo 5,6% de gordura saturada e nenhuma do tipo trans – acima disso, ele são inadequados à dieta.



3 FAZER REGIME SEM SUPERVISÃO MÉDICA
Conclusão da pesquisa: é o caso da metade dos entrevistados
Por que prejudica a dieta: porque, de novo, as pessoas acabam comendo mais do que deviam – por pura desinformação. Os pesquisadores chegaram a essa conclusão com base num levantamento mais específico, sobre os tipos de dieta que os entrevistados afirmam seguir por conta própria. Foram mapeados 112 dietas e dois erros mais comuns: no valor calórico dos alimentos (sempre subestimado) e na composição dos cardápios (sem o devido equilíbrio entre os nutrientes)
Dica dos especialistas: procurar sempre o médico antes de submeter-se a períodos de privação à mesa. Sim, é óbvio, mas eles dão as razões. De um lado, ao considerar informações individuais – como peso, altura, idade e hábitos de vida – o médico consegue potencializar os efeitos da dieta. De outro, ao monitorá-la, evita perdas drásticas na balança, processo em geral seguido de novo ganho de peso.



4 EXAGERAR NA CARNE VERMELHA
Conclusão da pesquisa: 90% das pessoas que fazem dieta comem carne vermelha pelo menos quatro vezes por semana – e em porções generosas. Elas consomem o dobro do que recomenda a Organização Mundial de Saúde (OMS)
Por que prejudica a dieta: as carnes vermelhas aparecem como campeãs em gorduras saturadas e, no Brasil, são tipicamente consumidas fritas e boiando em molho, como revelou a atual pesquisa. Por essa razão, chegam à mesa com 450 calorias, três vezes mais do que as de um bife grelhado
Dica dos especialistas: por sua concentração de aminoácidos, a carne vermelha ajuda a acelerar o metabolismo e a queimar calorias como nenhuma outra. Portanto deve constar na dieta, sim, mas na dose certa. Leia-se: 400 gramas por semana (ou três bifes médios).



5 FUGIR DE LEGUMES, VERDURAS E FRUTAS
Conclusão da pesquisa: quase a metade dos entrevistados afirma não comer esse gênero de alimento
Por que prejudica a dieta: sem eles, o organismo certamente carecerá de fibras solúveis. Elas contribuem para o emagrecimento em duas frentes: diminuem a absorção do açúcar pelo organismo e conferem sensação de saciedade por mais tempo – à base de poucas calorias
Dica dos especialistas: comer quatro porções desses alimentos por dia. De todos, evite apenas milho e batata, campeões em calorias



6 COMER FRITURAS ALÉM DA CONTA
Conclusão da pesquisa: 85% das pessoas que tentam emagrecer comem alimentos fritos pelo menos quatro vezes por semana
Por que prejudica a dieta: as gorduras predominantes nas frituras (saturadas e trans) são de altíssimo valor calórico – 9 calorias por grama, o dobro do que contém o açúcar. Outro problema é que, como elas demoram a ser digeridas, provocam lentidão no metabolismo. De novo, o corpo queima calorias em ritmo menos acelerado
Dica dos especialistas: trocar frituras por assados, que têm em média um terço das calorias. Se vez ou outra optar por um alimento frito, prefira prepará-lo em óleo de canola. É tão calórico quanto os demais, mas tem a vantagem de concentrar menos gorduras saturadas.


O sétimo pecado
A pesquisa concluiu que a metade dos brasileiros que fazem dieta não pratica nenhuma espécie de exercício físico. Por que eles deveriam cultivar esse hábito:
• Meia hora de exercício é suficiente para acelerar o metabolismo – o corpo passa a queimar calorias em ritmo 30% mais veloz ao longo do dia
• O exercício ajuda a eliminar calorias, como mostra o ranking abaixo, que lista os esportes mais eficientes para isso .


Fonte : Revista VEJA

sábado, 29 de setembro de 2007

Geriatria é especialidade em falta no mercado

Sobre Priscila, de blusa azul, acredite, se quiser, mas essa foto foi batida em pleno Carnaval. Mas no Fortal... ela detonou. Ninguém é de ferro, não é Priscila ?



Clarissa, sobrinha da Ita, mestrado em matemática a caminho do doutorado.




Detalhe : pelo que muito bem sei, essa Clarissa Borges, a jornalista, não é a Clarissa, sobrinha da Itacoeli, muito querida daqui de casa, cuja foto ao lado apresento.


E no campo das ciências exatas a AFA tem a Priscila, uma jovem genial , que participa com muito brilhantismo de olimpíadas de Física e Matemática.
Gente, quanta confusão. Mas essa mistura toda se deve por causa do nome da jornalista do Jornal A TARDE, de Salvador, que também se chama Clarissa Borges. Apenas uma feliz coincidência.

Geriatria é especialidade em falta no mercado

Clarissa Borges, Jornal A TARDE, Salvador/Ba


Uma vez por semana, o estudante Leonardo Oliva, 25, encontra colegas para discutir temas ligados à saúde de pessoas com mais de 60 anos. Leonardo é uma exceção entre estudantes de Medicina, ao se interessar por uma área que carece de profissionais em todo o país: a geriatria. Ele integra a Liga Acadêmica de Geriatria e Gerontologia da Bahia (Laggeba), grupo de pesquisa e extensão que reúne estudantes da área de saúde e promove atividades como um simpósio anual, que deve acontecer em novembro.





O cuidado com o idoso, em si, não é muito atraente, devido a especificidades que exigem paciência e dedicação. Aliado a isto, a baixa lucratividade da especialidade faz com que pouquíssimos novos médicos sigam o mesmo caminho de Leonardo. “Como a geriatria não tem nenhum procedimento cirúrgico, não é rentável”, explica o estudante. Além disso, ele lembra que a escassez de profissionais renomados na área é outro fator de desestímulo aos jovens.
No caso de Leonardo, o padrinho – o especialista Adriano Gordilho - serviu como exemplo. “Sempre gostei muito da área clínica, e me inspirei nele para seguir a carreira”, conta. Para ele, quem escolhe a geriatria é porque realmente gosta. “São pacientes muito queixosos, muitas doenças, geralmente crônicas e sem cura”, explica. O jovem observa ainda que os especialistas não se queixam da rentabilidade. “Até porque tem poucos, estes não reclamam do retorno financeiro”, diz.





A queda da taxa de natalidade e os avanços da Medicina fazem com que a população idosa cresça aceleradamente em todo o mundo. No Brasil, são mais de 19 milhões de pessoas com mais de 60 anos, aproximadamente 10% da população, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Destes, 13.974, ou 9,6%, vivem na Bahia. Segundo o órgão, a proporção de idosos cresce mais do que a proporção de crianças.





Em 1980, a proporção era de 16 idosos para cada 100 crianças. No ano 2000, essa proporção subiu para 30 por 100. Apesar disso, a formação de médicos especializados no atendimento à faixa etária não segue o mesmo ritmo para garantir à população um envelhecimento com saúde. Segundo o geriatra Rômulo Meira, presidente da seção Bahia da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG), a questão é grave. Ele estima que, em Salvador, haja apenas cerca de 20 geriatras formados.





O médico rechaça os colegas de profissão que colocam o lucro acima de outros valores necessários à profissão, o que aponta como principal fator para a carência de profissionais no mercado. “Os médicos recém-formados não têm nenhum interesse. Em Medicina o que dá dinheiro é radiologia, cirurgia e coisas do gênero. Infelizmente, a motivação para a busca de especialidade médica é cada vez mais o que dê maior lucro e não dê trabalho”, dispara.
Carência - Segundo ele, se a procura fosse igual à dos países desenvolvidos, haveria uma insolvência. “A carência só não é maior porque a demanda é latente e os idosos geralmente não procuram o geriatra, e é ainda muito maior nas cidades do interior, onde a presença dos geriatras é pontual”, revela. O médico acrescenta que, se os idosos não procuram o especialista, é por falta de conhecimento e orientação, ressaltando a importância da formação específica.
Nos planos de saúde, a oferta da especialidade é rara e, muitas vezes, os segurados pagam por conta própria as consultas, que custam em média de R$ 200 a R$ 230 (veja o gráfico). Na rede pública, a situação é ainda mais precária, visto que a especialidade nem está entre as oferecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), e em Salvador é restrita ao Centro de Referência Estadual de Atenção à Saúde do Idoso (Creasi).





O médico Rômulo Meira questiona o valor pago por consulta com um geriatra, que tem a mesma remuneração que outras modalidades. “Como um médico pode receber por uma consulta de uma hora, uma hora e 20, o mesmo que receberia por uma de 15 minutos?”, questiona. Pelo SUS,o médico recebe R$ 10 e os planos de saúde pagam, em média, R$ 25 por uma consulta.




Fonte : Jornal A TARDE, Salvador/Ba

sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Carmen e Aldemir : Somos 22

Foto autoexplicativa





















Clique sobre a imagem para ampliá-la

QUEM FALA O QUE QUER, OUVE O QUE NÃO QUER...

Parabéns à professora pela sua presença de espírito. Aconteceu na PUC-RS.

Uma professora universitária estava acabando de dar as últimas orientações para os alunos acerca da prova final que ocorreria no dia seguinte. Finalizou alertando que não haveria desculpas para a falta de nenhum aluno,com exceção de um grave ferimento, doença ou a morte de de algum parente próximo.

Um engraçadinho que sentava no fundo da classe, perguntou com Aquele velho ar de cinismo: - Dentre esses motivos justificados, podemos incluir o de extremo cansaço por atividade sexual?

A classe explodiu em gargalhadas, com a professora aguardando pacientemente que o silêncio fosse restabelecido.

Tão logo isso ocorreu, ela olhou para o palhaço e respondeu: Isto não é um motivo justificado. Como a prova será em forma de múltipla escolha, você pode vir para a classe e escrever com a outra mão...ou, se não puder sentar-se, pode respondê-la em pé'. (fato verídico)

AFA KIDS


O que eles disseram.


O que o livro de matemática disse para o livro de português?

R.: pare de contar historinhas que eu já estou cheio de problemas.


O que o mudo disse para o cego?

R.: nada, porque ele é mudo.


O que o catchup falou para o outro catchup?

R.: "É nóis nas fritas!".


O que a banana falou para o tomate?

R.: "Eu que tiro a roupa e você que fica vermelho..."


O que um tijolo falou pro outro? R.: "Há um ciumento entre nós."


O que a xícara falou para a colher?

R.: 'Mexa-se, mexa-se!"


O que o caminhãozinho falou para a mãe caminhão?

R.: "Mãetenha distância."


O que o açúcar falou para o café?

R.: "Quando chego perto de você, eu me derreto todo!"


O que a frigideira falou para a pipoca?

R.: "Eu aqui fritando e você pulando de alegria!"


O que a letra "i" falou para letra "b"?

R.: "Acho que está na hora de você fazer um regime e perder esta barriga".


O que o pires falou para a xícara?

R.:"Tira essa bunda quente de cima de mim!"


O que o Liso falou para a Lisa?R.: "Lisos somos."


O que é que o pneu disse para o asfalto?

R.: "Você me deixa careca."


O que o pára-quedas disse para o homem que tinha acabado de saltar?

R.: "Estou contigo e não abro!"


O que o cadarço falou para o tênis?

R.: 'Estou amarradão em você."


O que o fósforo disse para a bomba?

R.: "Você é um estouro!"

Qual é a palavra mais bonita da Língua Portuguesa?

Concurso promovido por livraria elege as dez palavras mais lindas denossa língua.

[Globinho, 23/9/2007. Suplemento de O Globo.]

(Adriana Barsotti)

"Saudade" foi eleita a palavra mais bonita da língua portuguesa, em concurso realizado pela livraria Da Conde, no Leblon, RJ. Na primeira etapa, os participantes sugeriram 483 palavras para constar da lista devotação. Na segunda, houve a votação, realizada através de uma urna colocada na livraria. Ao todo, foram 3.500 votos. Destes, 322 foram para"saudade" (veja as dez mais votadas abaixo). O resultado não surpreendeu a gerente-geral da livraria, Débora Finkielsztejn, idealizadora do concurso.

- Muitas pessoas diziam que votariam em "saudade" por ela só existir na língua portuguesa - afirma - Mas sei que essa informação gera muita polêmica.

Existem palavras similares em outras línguas, mas os estudiosos dizem que"saudade" caracteriza um estado de espírito que as outras não expressam com tanta precisão.

A afirmação é justificada por uma poesia do poeta português Fernando Pessoa:

"Saudades, só portugueses

Conseguem senti-las bem

Porque têm essa palavra

Para dizer que as têm.

"Foi lendo "Como aprendi o português e outras aventuras", de Paulo Rónai, que Débora teve a idéia de organizar o concurso.

- No livro, ele narra um concurso que houve em 1952, na França, para eleger a palavra mais bonita em francês. Mas só membros da comunidade literária puderam votar. Aqui, quis estender o direito a todos - explica.

As dez palavras mais votadas:

1. saudade 322.
2. amor 255.
3. amizade 168.
4. paz 131.
5. felicidade 86.
6. alegria 81.
7. vida 69.
8. alma 62.
9. esperança 58.
10. liberdade 57.

Experimentar Deus na Criação



A Bíblia nos apresenta a figura de Jó, o homem justo que possuía tudo quanto podia desejar: propriedades, rebanhos, uma numerosa família, com filhos e filhas, boa saúde... Mas Deus permitiu que Satanás o privasse de tudo isso. Os amigos que vieram vê-lo em sua dor acharam que isto tudo lhe teria acontecido por causa de algum pecado oculto. Mas Jó não aceita esta explicação. Sabe que tentou ser justo. No fim Jó apela para Deus. Ele quer que Deus se manifeste, quer ter a experiência de Deus.



A resposta que Deus dá a Jó nos enche de assombro. Pois consiste unicamente em que, num longo discurso, Deus faz passar diante dos olhos de Jó as maravilhas da criação: “Quem é esse que ofusca a Providência com palavras sem sentido? Cinge-te os rins como um valente: vou interrogar-te e tu me responderás. Onde estavas, quando lancei os fundamentos da terra? Dize-mo, se é que sabes tanto! Quem lhe fixou as dimensões? – se o sabes. Ou quem estendeu sobre ela a régua?” (Jó 38,2-5). E então Deus descreve a terra com suas maravilhas, o mistério do mar, do vento, da chuva e da aurora. Descreve em detalhes as características do asno, do touro selvagem, do avestruz, do cavalo e da águia. E no fim Jó responde: “Conhecia-te só de ouvido, mas agora viram-te os meus olhos. Por isso eu me retrato e faço penitência no pó e na cinza” (Jó 42,5s).



Para Jó, olhar a criação foi o mesmo que “ver a Deus”. E a criação nem é retratada aqui de uma maneira muito idílica, mas sim com suas crueldades e contradições. Muitos teólogos acham que Deus não respondeu realmente à pergunta de Jó. Mas a meu ver esta é justamente a resposta mais acertada que Deus podia dar. Não adianta perder tempo discutindo se Deus é justo ou injusto. O que importa é simplesmente olhar o que está aí, admirar o mistério da criação ao redor de mim. Observando as ondas do mar, o nascer do sol, o parto da cabra ou o vôo da águia que corta os ares, eu estou vendo a Deus. Não preciso ficar refletindo sobre Deus. Também não vou atrás de uma prova da existência de Deus. Eu simplesmente contemplo. E, no contemplar, experimento a Deus. Na criação eu vejo o Criador, o mistério do seu poder e de sua fantasia, a diversidade da vida, a sabedoria que está presente em todas as coisas.



Para mim, esta é uma forma importante da experiência de Deus. Eu sempre ouço as pessoas se queixarem de que Deus está ausente, não se deixa perceber. Não tenho outra resposta a dar senão a que Deus deu a Jó. Olha ao redor de ti! Olha a vida! Que vês quando contemplas uma flor, quando olhas a abelha sugando o néctar, quando admiras o colorido das borboletas? É obra da natureza, só da natureza? Mas o que é a natureza? Não foi a natureza criada por Deus, animada do espírito de Deus, perpassada pelo amor de Deus? Que ouves no gorjear dos pássaros, no rumorejar do vento, no murmurar do regato? Somente ruídos? Ou ouves aí o hino de louvor do cosmos, desde sempre a cantar os louvores do Criador?



Pitágoras ouvia a música das esferas, escutava o mundo compartilhando da harmonia divina. Ainda hoje existem pessoas espirituais, que na criação ouvem a voz de Deus, os divinos acordes, o eterno hino de louvor dos céus. Sempre de novo a liturgia convida-nos a participar deste eterno hino de louvor das forças e potestades, dos anjos e santos, para juntamente com o universo inteiro louvarmos a Deus. Quando nossos olhos e nossos ouvidos estão abertos, em tudo vemos e escutamos o próprio Deus. Então, na flor, no rochedo sobre o monte, nas aves do céu, admiramos o próprio Deus. Percebemos em tudo a voz de Deus. Já não discutimos mais sobre Deus, nem sobre Deus como causa primeira da criação, como o primeiro motor imóvel. Na criação nós estamos tocando o próprio Criador.


Texto de Anselm Grün, Se Quiser Experimentar Deus, pág. 214ss.


Tradução de Carlos Almeida –

Idade na balança


Especialistas explicam por que é mais difícil para as mulheres emagrecerem após os 40 anos


A modelo Luiza Brunet, 45, que engordou após os 40 anos e perdeu sete quilos com mudança de hábitos





Até os quarenta anos, a assistente financeira Maria Inês Castro se orgulhava de manter o mesmo peso que tinha ao se casar, aos 23 anos: 52 kg. Nos anos seguintes, porém, o ponteiro da balança teimava em subir. E, aos 45, quando Maria Inês entrou no climatério, ele disparou de vez. Para piorar, os novos quilos se concentraram na barriga. "Emagrecer era superdifícil", diz ela, hoje com 54 anos.




Com algumas variações, essa história se repete diariamente em consultas a nutricionistas e em clínicas endocrinológicas. As pacientes contam que mantêm a mesma alimentação, os mesmos exercícios e, ainda assim, engordam. Por quê? A resposta passa por alterações hormonais, queda do metabolismo, diminuição do sono e estresse, entre outros fatores.




Some-se a isso a adoção de hábitos nada saudáveis. "Na juventude, as pessoas usam transporte público, têm mais tempo livre e fazem mais exercícios. Depois, muitas adotam um estilo de vida que dificulta a perda de peso", ressalta Márcio Mancini, médico do grupo de obesidade do Hospital das Clínicas da USP (Universidade de São Paulo) e presidente eleito da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica).




A boa notícia: dá para se preparar para a nova fase, assim como reverter as mudanças na silhueta. Não se trata só de estética, mas de saúde. Mulheres que ganharam dez quilos ou mais após a menopausa tinham 18% mais chance de desenvolver câncer de mama, segundo estudo divulgado ano passado no "JAMA" (publicação da Sociedade Americana de Medicina). Já quem perdeu dez quilos ou mais após a menopausa e nunca fez reposição hormonal tinha 57% menos chance de ter esse tipo de tumor do que quem manteve o peso.



Fonte : Folha de São Paulo

quinta-feira, 27 de setembro de 2007

PARA RIR UM POUCO...

Um grupo de anões decide jogar futebol.Alugam um campinho de várzeae vão para lá contentes e eufóricos.Lá chegando, percebem que não existevestiário, e então, decidem vestir o uniforme no banheiro do boteco lá perto. Todos entram e se dirigem para o fundo do bar, onde ficava obanheiro. Chega um bêbado e pede uma garrafa de cachaça.Após alguns minutos,passam pelo bêbado os jogadores anões, vestidos de azul, o bêbado não entende nada, fica bolado, mas continua bebendo. Em seguida, passam os anões de uniforme vermelho.O bêbado chega paradono do bar e diz:
-Aí maluco! Fica ligado que o jogo de totó tá fugindo!!!

Flagrantes do Encontro no Catu


Lúcia Helena, de pé, a anfitriã, que soube muito bem receber todos com um sorriso, posa nessa foto com Josélia e Carmen.
Josélia a partir deste ano voltou a ser uma presença constante em nossos eventos. Seus netos é que estão adorando.
Já Carmen esteve ameaçada de não comparecer, mas estava lá firme e forte, mesmo tendo que exibir um colete ortopédico.
Foto tirada no marcante Encontro da AFA de 22/09/07 no Sítio Laidinha, Lago Catu, em Aquiraz, proximidades de Fortaleza/Ce

quarta-feira, 26 de setembro de 2007

A arte de viver junto


Viver com alguém que se ama não é só uma oportunidade de conhecer o outro, mas também a maior chance de entrar em contato consigo mesmo.


Por Roberto Shinyashiki


Muitas pessoas formam um casal pensando que vão iniciar uma grande brincadeira cujo objetivo maior é o prazer. A experiência mostra que aqueles que pensam apenas no gozo são os que mais sofrem numa relação. Depois de algum tempo, vêm as insatisfações, as frustrações, as cobranças, a rotina e o tédio. A pessoa se sente como um peixe apanhado no anzol: tentou comer a minhoca e acabou virando comida de pescador!


Quando duas pessoas desejam se unir, devem criar um espaço no qual possam desenvolver a capacidade de viver a dois, buscar soluções criativas à medida que os obstáculos aparecem e aprender a desfrutar todas as formas de viver com amor.Após a grande liberação sexual dos anos 60 e 70, ficou fácil para as pessoas se encontrar e ter relacionamentos ocasionais, em que aliviam as tensões, conhecem gente diferente e gozam de momentos agradáveis.


Mas, ao mesmo tempo, cada vez mais, elas sofrem com a "ressaca sexual" - aquela sensação de vazio, culpa e insatisfação que acompanha tais relacionamentos. A pessoa acorda de manhã e se pergunta: "Meu Deus, o que estou fazendo nesta cama, ao lado desta pessoa?" Já dizia um poeta: "Deitei ao lado de um corpo e acordei à beira de um abismo..."A ressaca sexual aparece toda vez que se comete uma agressão íntima contra si mesmo e, sem dúvida, é um aviso de que é preciso ser mais cuidadoso.


No passado, muitas pessoas experimentavam a "ressaca moral" por ter transgredido uma regra aprendida na infância, como a norma de que se deve ser fiel ao esposo ou praticar sexo apenas depois do casamento. Mas hoje o que nos chama a atenção é a ressaca sexual, cada vez mais experimentada por mulheres e homens que tiveram um grande número de relações superficiais e passageiras.Passada a euforia da "libertação sexual", as pessoas estão sentindo falta de relações profundas e sólidas!


Estar com alguém plenamente é um caminho de crescimento, um aprendizado de viver a dois; é a possibilidade de vencer o medo da entrega e de se conhecer no mais íntimo. Conviver com alguém que amamos é o mesmo que comprar um imenso espelho da alma, no qual cada um dos nossos movimentos é mostrado sem a mínima piedade. Ao mesmo tempo que conhecemos melhor o outro, entramos em contato com nossas inseguranças também. E aí começa o inferno...


Em vez de encarar a verdade e de ver a imagem temida do verdadeiro eu, tenta-se quebrar o espelho.Como é possível quebrar esse espelho? Há muitas formas, porém as mais freqüentes são: fugir da intimidade, culpar o outro, não assumir as próprias responsabilidades na relação e desacreditar o amor.Viver com alguém que se ama não é só uma oportunidade de conhecer o outro, mas também a maior chance de entrar em contato consigo mesmo. Apenas quando conseguimos nos enxergar por inteiro é que percebemos o medo de nós mesmos e nos damos conta de que precisamos evoluir para nos tornar pessoas melhores. Começamos, então, a nos capacitar para o amor.


Um dia, perguntaram a um grande mestre quem o havia ajudado a atingir a iluminação, e ele respondeu: "Um cachorro".


Os discípulos, surpresos, quiseram saber o que havia acontecido, e o mestre contou: "Certa vez, eu estava olhando um cachorro, que parecia sedento e se dirigia a uma poça d´água. Quando ele foi beber, viu sua imagem refletida. O cachorro, então, fez uma cara de assustado, e a imagem o imitou. Ele fez cara de bravo, e a imagem o arremedou. Então, ele fugiu de medo e ficou observando, distante, durante longo tempo, a água. Quando a sede aumentou, ele voltou, repetiu todo o ritual e fugiu novamente. Num dado momento, a sede era tanta que o cachorro não resistiu e correu em direção à água, atirou-se nela e saciou sua sede. Desde esse dia, percebi que, sempre que eu me aproximava de alguém, via minha imagem refletida, fazia cara de bravo e fugia assustado. E ficava, de longe, sonhando com esse relacionamento que eu queria para mim. Esse cachorro me ensinou que eu precisava entrar em contato com a minha sede e mergulhar no amor, sem me assustar com as imagens que eu ficava projetando nos outros".


Fonte: Site Guia da Semana

Relógio do mundo - Sensacional !

http://poodwaddle.com/worldclockes.htm

Cliquem no endereço acima e vejam quantas informações interessantes e curiosas.

Divirtam-se.

Enviado por Joseoly Moreira, Fortaleza/CE

terça-feira, 25 de setembro de 2007

Flagrantes do Encontro no Lago Catu



Artur, o invencível !

Enquanto outros se divertiam ao seu modo, Artur, "o mascote da AFA", não estava nem aí : tomou um belo banho do jeito que veio ao mundo.

Palavras cruzadas fazem bem à saúde

As palavras cruzadas constituem um dos instrumentos usados por neuropsiquiatras e terapeutas no que eles chamam de "ginástica cerebral", no tratamento da Doença de Alzheimer e outros casos em que há perda de memória. O objetivo é fazer com que o cérebro estimule o funcionamento e a extensão da memória; quanto mais informações os neurônios recebem, mais sedentos de novos dados eles ficam, criando novas ligações - as sinapses - entre eles.

Pesquisas recentes concluíram que esse princípio vale também para pessoas sãs: a prática de atividades mentais fora da rotina, como escovar os dentes com a mão trocada, ou fazer palavras cruzadas, mantém a mente saudável durante toda a vida, na medida em que continuamente são geradas novas sinapses, o que compensa as perdas de neurônios com o passar dos anos.

Enviado por Maria Luíza de Abreu Sobral, Fortaleza/Ce

Músicas - É só clicar pra ouvir!!...

Desenho de Deus (2006) Dandara (2005) Mulher Ideal(2002) Eu Sei (2004) Meu Ébano(2005) Passarela no ar(2006) Por mais que eu tente(2005) Se não é amor(2005) Epitáfio (2001) A Miragem (2001) A Loba(2001) Se quer saber (2002) Amor e Sexo(2003) As Loucuras de uma Paixão(1997) Vê se me erra(1992) Devagar...Devagarinho(1995) Dois (1997) A canção tocou na hora errada(1999) Mal Acostumado(1998) Paratodos(1993) Espanhola(1999) Partituras(1995) Sonhos(1994) Tem coisas que a gente não tira do coração(1996) Chama da Paixão(1994) Sol de Primavera(1994) Lenha (1999) Mulheres(1998) SE (1992) Beija eu (1991) O Canto da Cidade(1992) Nobre Vagabundo(1996) Recado(1990) Encontro das Águas(1993) Sozinho(1999) Ta na Cara(1998) Resposta ao Tempo(1998) Ainda lembro(1994) Nuvens(1995) Dez a Um(1997) Bem Querer(1998) Caça e Caçador(1997) Alma Gêmea(1995) Quem é Você(1995) Um Dia de Domingo(1985) Coração de Estudante(1983) Momentos(1983) Quarto de Hotel(1980) Se eu quiser falar com DEUS(1980) Meu Bem Meu Mal(1981) Você é Linda(1983) Baila Comigo(1980) Vai Passar(1984) Menino do Rio(1980) Oceano (1989) Fonte da Saudade(1980) Conselho(1986) Alma(1982) Mel na Boca(1985) Saigon(1989) De volta pro meu aconchego(1985) Faz parte do meu show(1988) Só Pra Contrariar(1986) Um Homem também chora(1983) Deslizes(1989) Bilhete(1980) Balada do Louco(1982) Viajante(1989) Um certo alguém(1983) Purpurina (1982) Verde (1985) O que é o que é (1982) Me dê Motivo(1983) Lança Perfume(1980) Estranha Loucura(1987) Tiro ao Álvaro(1980) Anos Dourados(1986) Caçador de mim(1980) Agonia (1980) Meu Bem Querer(1980) Ao que vai chegar(1984) Como Uma Onda(1983) Tudo com você(1983) Paixão(1981) Codinome Beija Flor(1985) Samba pra Vinicius(1980) Papel Machê (1984) Judia de Mim(1986) Brasil (1988) Ontem (1988) Encontros e Despedidas(1985) Nos bailes da vida(1981) Samurai (1982) O Caderno(1983) Pedacinhos(1983) O último romântico(1984) Cama e Mesa(1984) Todo o Sentimento(1987) Apesar de Você (1972) Grito de Alerta (1979) Naquela Mesa (1970) Detalhes (1970) Gabriela(1975) Gostava Tanto de Você(1973) Tigresa (1977) Coisinha do Pai(1979) Quando eu me chamar Saudade(1974) Canta Canta minha gente(1974) Foi um Rio que passou em minha vida(1970) Cio da Terra(1976) Juízo Final(1976) O Mar Serenou(1975) Gota D'Agua(1976) Não deixe o samba morrer(1975) Viagem (1973) Sufoco (1978) Bandolins(1979) Atrás da Porta(1972) Argumento(1975) Regra Três(1973) A paz do meu amor(1974) Toada(1979) Meu mundo e nada mais(1976) Você abusou(1971) Tristeza pé no chão(1972) Rosa de Hiroshima(1973) Valsinha(1971) Retalhos de cetim(1973) Águas de Março (1972) Começar de Novo ( 1978) Loucura (1979) Começaria Tudo Outra Vez(1976) Foi Assim (1977) Outra Vez(1977) Café da Manhã (1978) Folhas Secas(1973) Só Louco(1976) 1.800 Colinas(1974) Dança da Solidão(1972) Olho por Olho(1977) Conto de Areia(1974) A Deusa dos Orixás(1975) Alvorada no Morro(1973) Pra Você(1972) Os Amantes(1977) O Surdo(1975) Pedaço de Mim(1979) To Voltando(1979) Pela Luz dos Olhos Teus(1977) Se queres saber(1977) O Bêbado e a Equilibrista(1979) Wave (1977) Você (1974) Canto das Três Raças(1974) Desabafo(1979) Samba de Orly(1971) Seu Corpo(1975) Madalena(1970) Samba de uma Nota Só ( 1960) Disparada (1965) Travessia ( 1967) Matriz ou Filial ( 1964) Trem das Onze (1965) Viola Enluarada (1967) A Banda (1965) Cantiga por Luciana ( 1969) Carolina (1967) Festa de Arromba ( 1964) Hoje (1966) Upa Neguinho (1967) Prova de Fogo (1967) Samba do Avião(1967) Noite dos Mascarados(1967) Laranja Madura (1966) Mas que nada(1963) País Tropical(1969) Modinha(1968) Poema do Adeus(1961) Sem Fantasia(1967) Estão voltando as flores(1961) Samba em preludio(1962) Negue (1960) Garota de Ipanema ( 1962) Apelo (1967) O Barquinho ( 1961) Gente Humilde ( 1969) Minha Namorada (1962) Arrastão (1965) Alegria Alegria (1967) Caminhando (1968) Você passa eu acho graça(1968) Namoradinha de um amigo meu(1965) A Flor e o Espinho ( 1964) Preciso aprender a ser só(1965) Volta por cima(1962) Mulher de Trinta(1960) A Praça(1967) Chove Chuva(1963) Brigas(1966) Fotografia(1967) Andança(1968) Roda Viva(1967) Samba do crioulo doido(1968) Ninguém Me Ama( 1952) Eu Sei Que Vou Te Amar (1958) Saudosa Maloca ( 1955) Chega de Saudade ( 1958 ) Conceição ( 1956) Desafinado (1958) Esse seu olhar(1959) Iracema(1956) Dindi (1959) Ronda(1953) Evocação nº1(1957) Eu não existo sem você(1958) A Noite Do Meu Bem(1959) Se Todos Fossem Iguais a Você (1957) Castigo ( 1958) Ouça ( 1957) Lábios de Mel ( 1955) Molambo ( 1953 ) Estrela do Mar(1952) Tereza da praia(1954) Alguém como tu(1952) Evocação nº2(1958) E daí?(1959)

Enviado por Arlindo de Almeida Simões, Fortaleza/Ce

O valor da amizade

Certa vez um soldado disse ao seu tenente:
-Meu amigo não voltou do campo de batalha, senhor, solicito permissão para ir buscá-lo.
-Permissão negada, replicou o oficial.
Não quero que arrisque a sua vida por um homem que provavelmente está morto.
O soldado, ignorando a proibição, saiu, e uma hora mais tarde regressou, mortalmente ferido, transportando o cadáver de seu amigo.
O oficial estava furioso:
-Já tinha dito que ele estava morto!!!
Agora eu perdi dois homens!
-Diga me, valeu a pena trazer um cadáver?
E o soldado, moribundo, respondeu:
-Claro que sim, senhor!
Quando o encontrei, ele ainda estava vivo e pôde me dizer:

"TINHA CERTEZA QUE VOCÊ VIRIA!"

"AMIGO É AQUELE QUE CHEGA QUANDO TODO MUNDO JÁ SE FOI!

Por isso sempre dê valor a uma amizade verdadeira!!!

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Desafio: E ninguém acertou !

Flávia deu,de uma "tacada" só, mais dois bisnetos à sua vó Beatriz.

David e Anne Stela (gêmeos) nasceram no dia 31 de agosto.



Ficou sem acertador o último desafio com brinde lançado neste Blog. Consistia em identificar a relação existente entre Beatriz, as crianças e uma jovem senhora grávida.

A resposta correta era : Todas as crianças, inclusive a que estava no ventre da grávida, são BISNETAS de Beatriz.

A propósito, do referido ventre saiu não apenas um, e sim mais dois bisnetos de Beatriz, no caso David e Anne Stela.

Blog da AFA : faça seus comentários.

Helena, com Carmen e Teresa, as duas últimas excelentes comentaristas.
Foto tirada no Encontro do último sábado, 22/09


Temos observado que poucas pessoas têm feito comentários na atual versão do Blog. Acreditamos ser isso devido a alguma dificuldade.
Como orientação, pedimos observar o seguinte procedimento :

1) Clique em “comentários” ao final de cada notícia. Daí, se abrirá uma janela onde poderá ser feita a digitação do que se pretende comentar no espaço “faça um comentário”.

2) Em seguida, é solicitada a autenticação que consiste em digitar num espaço específico um conjunto de algumas letras no espaço “verificação de palavras”.

3) Depois vem o espaço “Escolher uma Identidade”. Para quem não tem conta no e-mail Google/Blogger (gmail), sugerimos escolher a opção “anônimo”. Nesse caso, pedimos não esquecer de se identificar ao final da nota.

domingo, 23 de setembro de 2007

Sucesso absoluto !







Na primeira foto, Aélio Filho mostra suas habilidades na sinuca sob os olhares e torcida (contra kkkkkkkk) de Carlinhos, Renato e Aldemir Filho. Em outra, Arlindo conversa com César Almeida e Gracia à sua esquerda. Depois, a vez da ala jovem. Na outra, Laís recebe os parabéns pelo aniversário. Na última, um flagrante do Encontro em uma mesa muito animada e cheia de gente bonita, com o Lago Catu ao fundo.
























Mais um encontro da AFA se realizou e o que predominou, como sempre, foi o congraçamento, a alegria de rever amigos, descontração, brincadeiras e, sobretudo, muita união.

O cenário não poderia ser mais perfeito, a casa paradisíaca de Lúcia Helena, às margens do Lago Catu. O canto de Goretti encantou a todos, com Luciano aos teclados. Beatriz tocou algumas peças de seu repertório clássico.

Laís não tem culpa de aniversariar nesse dia já tão festivo, aproveitou para comemorar ao lado de seus pais Teresa e Sérgio Cartaxo, do irmão Raul e de tantos familiares, especialmente de tantos primos que é sempre bom encontrar. Sérgio Cartaxo, como sempre, puxou a sessão de brincadeiras, foi ele o “mágico” que operou a “máquina de fazer dinheiro”. O jogo de sinuca rolou solto, onde muitos mostraram suas habilidades. E ainda teve banho de piscina num dia de sol típico de Fortaleza.

Muitas presenças ilustres destacando-se a de César Almeida, que veio do Rio de Janeiro com sua simpática e elegante esposa Grácia. Josélia também esteve lá e Carmen, mesmo de colete ortopédico, não só foi como distribuiu seu sorriso constante, que é a marca de sua personalidade. Arlindo participou de animadas conversas em diversas mesas.

Resta esperar o próximo encontro que será a Confraternização. Até lá.

Proteção do domingo




Prezados amigos,



Lojas abertas aos domingos, máquinas funcionando, pessoas atarefadas ... Sinais de progresso, melhorando a vida das pessoas? Veja no anexo a mensagem no. 16 - e saiba o que pensa a respeito disso o monge-escritor Anselm Grün.
Um abraço, e um bom domingo!
Carlos Almeida Pereira, Campina Grande/Pb



“O interesse maior que me levou a escrever esse pequeno volume não foi em primeiro lugar proteger o Sagrado e tratá-lo com respeito. Meu desejo é muito mais ocupar-me com a proteção que o Sagrado nos oferece”, escreve Anselm Grün. “Quando já não existe mais nada que seja sagrado, cessa de existir também a proteção para a nossa alma.” O livrinho (102 páginas!) ocupa-se com os lugares sagrados, os tempos, ações e objetos, as pessoas e os valores sagrados: o Sagrado como reflexo de Deus em nosso mundo.





16. A Proteção do Domingo



Nos dias de hoje o domingo corre perigo, por causa da dominação da economia sobre os setores da vida humana. A economia considera que o mais importante é a eficiência no trabalho. As máquinas ficarem paradas no domingo, o comércio ficar fechado, estaria restringindo o rendimento da economia. Mas trata-se de uma visão míope da eficiência. Ela considera o ser humano como uma máquina, que deve subordinar-se à ditadura da eficiência econômica. Quem apenas explora e usa o ser humano, em última análise o despreza. E termina por torná-lo enfermo. Quando o ser humano não se alimenta das fontes que vão além da mentalidade de custo e benefício, com pouco tempo sua vida fica esgotada e depauperada.



O sentido do domingo é que o ser humano tenha consciência da sua dignidade, que possa alegrar-se por sua vida. Sem isto a vida se estiola, nós ficamos privados da fantasia e da criatividade. A curto prazo pode ser que a renúncia ao domingo sirva à economia. Mas a longo prazo será prejudicial ao ser humano, o que resulta em prejuízo também para a economia. ...



O domingo serve ao indivíduo. Cria-lhe o espaço livre de que ele tem necessidade. Mas o domingo não é uma questão apenas individual, e sim também da comunidade. Deixando de estar incluído na ordem social, o domingo não apenas perderá a dignidade que daí procede, mas será destruído também pelos interesses com que vier a se defrontar. Por isso é necessário defender o domingo. Por si mesmo o indivíduo não teria forças para criar o espaço livre de que tem necessidade para sua saúde física e psíquica.



O domingo vivido em comum possui ainda um outro significado. Nele se expressa a convicção de que a sociedade não se basta a si própria, mas tem necessidade de algo maior do que ela. Por si só uma sociedade fechada não se sustenta. Ela necessita de uma visão que a ultrapasse. A sociedade precisa de um mergulho em um mundo diferente. Do contrário, ficará exposta ao terror e à ditadura da economia e das pressões econômicas. A economia alega trabalhar para o bem da pessoa. Com bastante freqüência, no entanto, esta é uma desculpa inconsistente. Na realidade trata-se de lucro e crescimento sempre maior. Mas justamente esta falta de moderação leva a situações que já não fazem bem à pessoa.



Não teria muito sentido apenas exigirmos que o domingo fosse protegido, sem que tivéssemos clareza sobre o que o domingo pretende nos dar. Já o próprio Jesus disse que o sábado foi feito para a pessoa, e não a pessoa para o sábado (cf. Mc 2,27). Sem um dia de descanso, a pessoa se desumaniza. O repouso dominical é uma pausa para respirar. Muitos argumentam que abrir o comércio aos domingos favoreceria as pessoas. Mas o que isto na verdade favorece é o surgimento de um totalitarismo do mercado. A família haveria de dissolver-se ainda mais. Deixaria de ter um espaço de proteção. Tudo passaria a ser determinado pelo Estado. Este haveria de tornar-se o único vínculo para a pessoa da massa que não tivesse outro vínculo. Mas de acordo com a Lei Básica o Estado tem como uma de suas tarefas respeitar a dignidade do ser humano. O Estado deixando de proteger o domingo, isto traria consigo efeitos catastróficos para a saúde e para a condição íntima do cidadão deste Estado.



... Toda pessoa tem necessidade de espaços de silêncio para ficar livre de si, para tomar consciência do mistério do mundo e de si mesma. E só quando tem consciência do mistério de sua própria vida e do mistério do próximo é que ela irá respeitar sua própria dignidade e a dignidade dos outros.
Texto de Anselm Grün, A Proteção do Sagrado, p. 45ss.



Tradução de Carlos Almeida

sábado, 22 de setembro de 2007

Tudo pronto !

Carmen, a Presidente de Honra, estará firme hoje marcando presença.


É chegado o dia 22 de setembro e mais um evento da AFA se realiza, o terceiro do ano. Espera-se neste sábado um grande número de pessoas presentes ao Sítio Laidinha no Lago Catu. Algumas delas merecem destaque especial, a começar por César Almeida e sua esposa, Grácia, residentes no Rio de Janeiro. César é neto de Tia Mundinha, pertencente assim ao Ramo 04 da família, de acordo com o livro AFA 25 Anos. Nessa visita à terra natal, César aproveitou para conhecer um dos paraísos tropicais mais famosos do planeta, que fica justamente no Ceará. Refiro-me à Praia de Jericoacoara, que César fez questão de conhecer.

Também quem se fará presente é Beatriz, que se restabeleceu dos problemas de saúde que enfrentou. Carmen, que andou sofrendo com umas dores lombares nos últimos dias está bem e comparecerá também. Mas essa tem que comparecer mesmo. Já pensou um evento grandioso desses sem nossa presidente de Honra ? Nem pensar !

Muitos convidados também comparecerão, a exemplo do jornalista Joseoly Moreira, seus irmãos Joseomy, Naomi e Naoli, pessoas muito agradáveis e divertidas.

A parte musical estará entregue à cantora Goretti, acompanhada por Vinícius e Luciano. Haverá também muitas brincadeiras e a MÁQUINA DE FAZER DINHEIRO que fará a alegria da garotada.

Aguardamos a presença de todos vocês e seus convidados.

sexta-feira, 21 de setembro de 2007

AFA KIDS

Pererê

Um dia a mãe do Saci pediu para ele ir à padaria comprar pão. Antes do Saci sair de casa, a mãe, que estava com pressa, disse: - Filho, vá num pé e volte no outro!Só que aí o Saci nunca mais voltou.

Biblioteca

O ladrão entra e fala:- A bolsa ou a vida!A bibliotecária responde:- Qual é o autor?

Os viajantes

Três viajantes iam para o deserto e cada um deles levou uma coisa. O primeiro levou gelo, o segundo levou água e o terceiro, a porta de um carro. - Por que você está levando água? - pergunta o viajante que levava gelo.- Se eu sentir sede, eu bebo. E você, por que está levando gelo? - Se eu sentir calor, me refresco. E você, colega, por que está levando uma porta de carro? E o outro diz:- Se eu sentir calor, eu abro a janelinha.

Tomou?

Uma garrafa de leite é colocada junto com outra na escada, logo pela manhã. A primeira garrafa educadamente cumprimentou a outra:- Bom dia!E o maior silêncio. A garrafa gentil insistiu:- Eu disse bom dia!E a outra finalmente respondeu:- Cala a boca que hoje eu tô azeda!

Utilidade

Um dia, dois curiosos passavam perto do cemitério, quando avistaram uma fila que se estendia por metros e metros. Decidiram ver o que estava acontecendo, e descobriram três homens carregando um caixão, um cachorro que os seguia e uma enorme fila atrás deles. Um dos curiosos perguntou:- Quem morreu?- Minha sogra - disse um dos homens.E o segundo curioso perguntou:- Quem matou?- Este cachorro aí.- Oh! Me empresta ele?- Claro. É só entrar na fila!

Militar

O soldado reclama para o comandante:- Comandante, esta sopa que eu estou tomando está cheia de terra!O comandante responde:- Não seja resmungão! Você está aqui para servir a pátria!Ao que o soldado replica:- Comandante, eu estou aqui para servi-la, não para comê-la!

Ao telefone

- Alô, gostaria de falar com o Caio, por favor?- É o próprio.- Oi Próprio, tudo bem? Será que você pode chamar o Caio?

O dono do mercado estava dormindo. De repente, toca o telefone, às 3h da manhã.- Seu João, que horas abre o mercado?- Poxa, isso é hora de ligar? Eu só abro às 8h.E voltou a dormir. Às 5h, o telefone tocou de novo:- Seu João, não dá para abrir o mercado mais cedo?- Você de novo? Não, não dá. Eu já disse que só abro às 8h!E bateu o telefone. Dali a meia hora, outro toque:- Seu João, abre o mercado mais cedo, por favor...- Mas que saco! Por que você quer tanto isso? O que precisa comprar?- Sabe o que é, Seu João? É que eu estou preso aqui dentro!

O bêbado

Joãozinho estava passeando pela rua, quando de repente um bêbado sentado na calçada fala para ele:- Ei, menino, como se abre essa latinha de refrigerante?- Ah, é fácil. É só torcer a tampinha! -disse Joãozinho.- Ah, entendi. Vai tampinha! Você consegue! Vai, vai! -disse o bêbado.

Na delegacia

Um ladrão conseguiu fugir da sua cela na delegacia. O delegado logo ordenou:- Bloqueiem todas as saídas!Depois de uns 10 minutos, chega um funcionário com a notícia:- Não conseguimos capturar o bandido, delegado. Ele fugiu.- Mas eu não falei para trancar todas as saídas? - perguntou o delegado.- Sim senhor, mas aí ele fugiu pela entrada.

Liquidação

A moça entra em uma loja e pergunta para a dona: - Esta calça está na promoção?E a dona responde:- Não, esta calça é para mocinha mesmo.

15 anos

A Maria convida o João:- João, quer ir à festa de 15 anos da minha irmã?O João pensa um pouco e diz:- Claro, Maria, mas só vou poder ficar uns 2 anos, tá?

Pão que passeia

Um louco liga para a padaria.- O pãozinho já saiu?- Já sim - responde o padeiro.O louco pergunta:- E que horas ele volta?

Normose

Lendo uma entrevista do professor Hermógenes, 86 anos, considerado o fundador da ioga no Brasil, ouvi uma palavra inventada por ele que me pareceu muito procedente: ele disse que o ser humano está sofrendo de normose, a doença de ser normal. Todo mundo quer se encaixar num padrão. Só que o padrão propagado não é exatamente fácil de alcançar. O sujeito "normal" é magro, alegre, belo, sociável, e bem-sucedido. Quem não se "normaliza" acaba adoecendo.

A angústia de não ser o que os outros esperam de nós gera bulimias, depressões, síndromes do pânico e outras manifestações de não enquadramento. A pergunta a ser feita é: quem espera o que de nós? Quem são esses ditadores de comportamento a quem estamos outorgando tanto poder sobre nossas vidas?

Eles não existem. Nenhum João, Zé ou Ana bate à sua porta exigindo que você seja assim ou assado. Quem nos exige é uma coletividade abstrata que ganha.

"Presença" através de modelos de comportamento amplamente divulgados. Só que não existe lei que obrigue você a ser do mesmo jeito que todos, seja lá quem for todos. Melhor se preocupar em ser você mesmo.

A normose não é brincadeira. Ela estimula a inveja, a autodepreciação e a ânsia de querer o que não se precisa. Você precisa de quantos pares de sapato?

Comparecer em quantas festas por mês?

Pesar quantos quilos até o verão chegar?

Não é necessário fazer curso de nada para aprender a se desapegar de exigências fictícias. Um pouco de auto-estima basta. Pense nas pessoas que você mais admira: não são as que seguem todas as regras bovinamente, e sim aquelas que desenvolveram personalidade própria e arcaram com os riscos de viver uma vida a seu modo. Criaram o seu "normal" e jogaram fora à fórmula, não patentearam, não passaram adiante. O normal de cada um tem que ser original. Não adianta querer tomar para si as ilusões e desejos dos outros. É fraude. E uma vida fraudulenta faz sofrer demais. Eu não sou filiada, seguidora, fiel, ou discípula de nenhuma religião ou crença, mas simpatizo cada vez mais com quem nos ajuda a remover obstáculos mentais e emocionais, e a viver de forma mais íntegra, simples e sincera. Por isso divulgo o alerta: a normose está doutrinando erradamente muitos homens e mulheres que poderiam, se quisessem, ser bem mais autênticos e felizes.

Martha Medeiros

Enviado por José Carlos Silva, Salvador/Ba

A que horas Arnaldo chegará ?


Mais um evento da AFA. O início está marcado para 11:00 horas no Sítio Laidinha, Lago Catu, cedido por uma gentil cortesia da Lúcia Helena e família.

E sempre a velha pergunta :

Será que Arnaldo chega às 02 horas, depois das 02:00 ou muito depois das 02:00 horas ?

Dê seu palpite no espaço "Comentário" no final desta nota.

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Goretti será a atração musical

Veja como chegar ao Sítio Laidinha, Lago Catu, local do nosso evento de sábado, dia 22.

Clique sobre a imagem para ampliá-la.




A cantora Goretti Almeida será a grande atração do evento de sábado próximo no Sítio Laidinha, no Lago Catu. Com um repertório recheado de pérolas da MPB os associados e convidados ouvirão assim um show musical de primeira linha. No acompanhamento estarão Luciano e Vinícius, ao teclado e violão, respectivamente.

Com quase 30 anos de carreira construída, sobretudo, com apresentações em casas noturnas, Goretti já percorreu o Caribe em temporada de shows cantando sucessos da bossa-nova. Também já mostrou seu trabalho por todo o Brasil. Em São Paulo, participou de programas de calouros como O Clube do Bolinha, Sílvio Santos, entre outros. Recentemente, Goretti se apresentou no Projeto Encantos de Iracema, no Largo do Mincharia.

E se tudo isso é pouco, Goretti ainda carrega o sobrenome “Almeida” .

Confirme também sua presença, ligando para :

Guto: 3272.0124;
Wilma: 3267.5970; ou
Carmen: 3267.1806.

Lembramos que cada um deverá levar sua própria bebida e a carne para ser preparada por um churrasqueiro que a AFA disponibilizará. Será servido "por conta da casa" um delicioso Baião de dois e a sobremesa.

Já me encontro em Fortaleza desde o final da manhã de hoje e terei um enorme prazer em encontrar todos os associados e convidados.

Sérgio Almeida Franco, Fortaleza/Ce

O Novo Testamento

Mais um “afilhado” chegou recentemente às minhas mãos, isto é, acaba de sair do prelo um livro que eu traduzi. Trata-se de

Gerd Theissen, O NOVO TESTAMENTO
Editora Vozes 2007, 149 pág., R$ 26,00

O autor é professor de Teologia Evangélica na Universidade de Heidelberg. O livro aparenta ser um manual destinado aos estudantes dessa disciplina no curso de Teologia. Ocupa-se com as personagens e as questões de importância para o estudo do Novo Testamento: Jesus de Nazaré e Paulo de Tarso, a tradição oral da primeira geração, a literatura epistolar, os evangelhos e Atos dos Apóstolos, as cartas pseudo-epigráficas, os escritos joaneus. Abaixo, a título de amostra, parte do 1º capítulo:

15. Jesus de Nazaré

Que é que sabemos a respeito de Jesus? Jesus é proveniente da Galiléia e aparece em público pela primeira vez como um adepto de João Batista. Seu batismo é histórico, pois sua auto-acu­sação como pecador constituiu um escândalo para os cristãos, que não tardaram a estar convencidos da impe­cabilidade de Jesus. Jesus compartilha a crença do Ba­tista de que o fim do mundo está próximo, e que só a conversão pode salvar do juízo. Mas diferencia-se do Batista pela indiferença manifestada quanto aos atos rituais: ele não ba­tizava. Para o Batista não havia mais tempo para se comprovar a conver­são (“o machado já estava posto à raiz das árvores”); a conversão era simbolizada pelo batismo. Mas Jesus passou pela experiência de esta expectativa não se realizar. Provavelmente Jesus interpretou isto como uma graça. Pois o simples fato de o sol nascer é para Ele um sinal da bondade de Deus, que concede ao ho­mem tempo para a conversão.

Pode-se reconstituir as carac­terísticas básicas da pregação de Jesus. Foram conservadas muitas tradições potencialmente independentes sobre Jesus: o Evangelho de Marcos, a fonte Q, ou fonte dos ditos (fonte dos lóguia), as particularidades de Mateus e de Lucas que só aparecem em um desses evange­lhos, e ainda o Evangelho de João e o Evangelho de Tomé. Cada elemento da tradição pode ter sido transmitido de forma independente, antes de ser incluído em um evangelho. O que sempre de novo volta nestas tradições pode ser histórico. E também o que contradiz às tendênci­as do cristianismo primitivo sobre sua veneração. De acordo com isto, é possível afirmar-se sobre Jesus o seguinte:

Jesus esperava o fim do mundo para breve. Ele pregava o "reinado de Deus", com isto defendendo um monoteísmo consis­tente. Em nenhum momento explicou o significado do "reinado de Deus", mas colocava ênfases próprias: Quando se falava do "reinado de Deus", em geral Deus era o "rei"; mas para Jesus Ele é o "Pai". Nos outros textos judaicos o reinado de Deus é futuro, mas para Jesus ele começa no presente. Quase sempre o reinado de Deus significava liberta­ção do domínio estrangeiro, mas em Jesus são justamente os estrangeiros que nele irão entrar. Não se trata, por­tanto, de um triunfo sobre os inimigos de Israel, mas sim de uma esperança para os perdidos em Israel, para os estrangei­ros e para os de fora!

Mais do que o Batista, Jesus enfatiza a graça de Deus. Mas também nele o juízo não está ausente. Nem todos entrarão no Reino de Deus: "Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, jamais nele entrará". Para Jesus a sal­vação se iniciava com as curas. Já antes de sua morte se falava de seus milagres com grande exagero. Eles possuem um nú­cleo histórico, pois não eram atribuídos milagres a todos os ca­rismáticos. Os milagres que caracterizaram Jesus fizeram com que se espalhasse esta certeza de que agora a salvação está começando.

Na pregação Jesus usava as formas proféticas e sapi­enciais. Falava em bem-aventuranças e ais. Falava de sua missão na primeira pes­soa, dizendo: "Eu vim para...". São palavras suas na primeira pessoa as antíteses do Sermão da Montanha. Nas duas primeiras, a forma antitética remonta a Jesus, as outras foram formuladas seguindo o mes­mo modelo. Nelas Jesus contrapõe a Moisés seu "Eu, porém, vos digo", mostrando que o motivo do agir proibido provém do íntimo. Ele não diz "Não deves irar-te!" nem "Não deves ter desejos sexuais"! Apenas constata: Quem se ira é culpado; quem deseja outra mulher casada comete adultério.

Em outra sentença Jesus manifesta seu ceticismo quanto à distinção entre "puro e impuro": Nada que vem de fora de alguém pode tomá-lo impuro, mas só o que sai de dentro dele. De modo semelhante Ele relativiza o sábado: "O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sába­do". Para Ele as exigências rituais são menos impor­tantes do que as éticas, que Ele resume no duplo mandamento do amor. Mas não rejeitava em princípio o ritual.

Formulava, além disso, advertências provocativas: A quem te bater numa face, dá uma demonstração de não-agressividade, oferecendo-lhe a outra, com o fim de por uma "intervenção paradoxal" interromper o círculo da violência. A ampliação do amor se fundamenta na bondade de Deus: Assim como Deus faz o sol nascer sobre bons e maus, também os homens devem colocar-se acima da distinção entre amigo e inimigo, e amar seus inimigos.

Sua entrada em Jerusalém levou ao conflito com o poder político, a purificação do Templo ao conflito com o poder religioso. Por causa desses conflitos, Jesus contava com a possibilidade de uma morte violenta, mas até o fim esperou que passasse "este cálice". Celebrou uma última ceia, esperando po­der celebrá-la de novo com seus discípulos no Reino de Deus, que logo haveria de chegar.

Jesus foi morto por uma ação conjunta da aristocracia ju­daica e da administração provincial de Roma. Pilatos teria podido libertá-lo. Tá­cito, com razão, o considera o responsável pela morte de Je­sus. Já os cristãos unilateralmente atribuíram a responsabilidade às autoridades judaicas, embora estas não tivessem o direito de condenar ninguém à pena capi­tal.

Mas como Jesus se entendia a si próprio? Ele não apenas anunciava o Reino, mas o tornava presente em sua pessoa. Por isso Pedro quis proclamá-Io Mes­sias. A tais expectativas do povo é provável que Jesus tenha procurado esquivar-se, pois para Ele não se tratava do "seu reino" mas sim do Reino de Deus. As expectativas que provocou em seus adeptos foram aba­ladas pela crucifixão. Eles haviam-se encaminhado a Jeru­salém na esperança de que o Reino de Deus iria manifestar-se. Quando após sua morte reconheceram que Jesus estava vivo, convenceram-se: Isto é a realização do Reino de Deus. Quem agora ocupava o centro já não era Deus, mas sim Jesus. Do teocentrismo da pregação de Jesus sur­giu o cristocentrismo da pregação sobre Jesus.
Embora não nos tenha deixado uma única linha esc­rita, Jesus contribuiu para a origem do Novo Testamento - não apenas pela forma de sua linguagem, conservada nos evangel­hos, mas pela consciência de provocar uma mudança históric­a que modificou radicalmente as relações entre Deus, o mundo e o homem. Por isso os escritos que tiveram origem em sua pessoa não foram considerados como uma ampliação do Anti­go Testamento, mas sim como um "Novo Testamento", em oposição ao Antigo.

Enviado por Carlos Almeida Pereira, Campina Grande/Pb

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

AFAmados


Como ultrapassar os 100 anos

© Dr. Alessandro Loiola

Em polonês, "STO LAT" é uma forma de cumprimento bastante comum e significa "que você viva cem anos! ".

Desejar vida longa e próspera a alguém é uma das saudações mais bonitas que você pode fazer.

Em teoria, quanto mais vivemos, maiores serão nossas chances de sucesso e felicidade.
A longevidade também é uma maneira indireta de medir a qualidade de vida de um povo: apesar de todas as suas riquezas e monumentos, no Egito de 1.000 a.C. poucos ultrapassavam os 30 anos de idade.

Por volta da época de Cristo, a expectativa de vida havia melhorado pouca coisa: os homens viviam 45 anos em média e as mulheres, 36. Uma lástima.

Mas avançamos muito. Às portas do século XXI, o cidadão comum passou a viver uma média de 75 anos - o equivalente a 2 antigos egípcios e meio! Um tremendo salto de qualidade.

Mais que isto: nos últimos 40 anos, o número de pessoas com 100 anos de idade ou mais aumentou 1.000%.

Calcula-se que uma de cada 50 mulheres e um de cada 200 homens vivos hoje chegarão ao centenário.

E os cientistas dizem que é apenas o começo, pois temos potencial Biológico para viver ainda mais, até os 130-150 anos de idade.

Então qual será o segredo? Como fazer parte desta estatística e comemorar um supercentenário sendo capaz de amarrar os próprios cadarços (se é que irão existir cadarços até lá)?

Inúmeros centros de pesquisa em todo o Mundo vêm se debruçando sobre o assunto, com algumas conclusões em comum.

Dentre várias, selecionei 05 medidas essenciais para você envelhecer com saúde:

1º - RESPEITE SEU ESTÔMAGO
O ditado "o peixe morre pela boca" também pode ser aplicado aos mamíferos. O alimento é o combustível do corpo. Cuide bem do seu motor, e ele lhe garantirá uma viagem longa e tranqüila. Por exemplo: 70% do colesterol presente no seu organismo são produzidos por você mesmo, principalmente pelo seu fígado. Seguir uma dieta capaz de reduzir os níveis de colesterol é tão importante quanto levar uma dieta pobre em gorduras. Quer outro exemplo? A qualidade da dieta influencia o risco de desenvolver vários tipos de câncer- e os tumores malignos são uma das principais causas de óbito na Terceira Idade. Leve isto em conta quando estiver escolhendo um Plano de Previdência Privada.

2º - RESPEITE SUA HIDRATAÇÃO
Um ser humano é pouco mais que um saco plástico contendo cerca de 40 litros de líquido viscoso e 20 quilos de miúdos secos. A água corresponde a 60% do seu peso . Assim como o radiador do seu carro, você precisa manter o nível de água dentro do ideal, sob o risco de ferver e ter de interromper a viagem antes do previsto. Mas atenção: não inclua bebidas alcoólicas na lista de líquidos preferenciais para hidratação. Ao invés disso, abuse da água potável e dos sucos de frutas naturais.

3º - RESPEITE SEU CÉREBRO
Considere o cérebro como o se fosse o "músculo" mais eficiente do seu corpo. Não o deixe atrofiar por falta de exercícios! Procure estar à volta com atividades que estimulem o raciocínio, desde jogos de memória até equações de física quântica. À noite, premie o esforço dos neurônios com sono de boa qualidade.

4º - RESPEITE SEUS OSSOS
Para cada 1 hora de exercícios regulares, você adiciona 3 horas à sua vida. É uma boa troca, não? Mas nada de exageros: para subir uma escada aos 80 ou levantar-se da cadeira aos 90, você precisará de ossos flexíveis. Na Terceira Idade, um esqueleto estável é mais importante que braços definidos ou um abdome tanquinho. Respeite seus ossos fazendo alongamentos pelo menos duas vezes por semana e obedecendo aos limites de velocidade no trânsito.

5 º - PROCURE UM SENTIDO
Envelhecer significa livrar-se de alguns pesos. Filhos, contas, emprego, responsabilidades... muita coisa sai de cima dos seus ombros. Mas uma carga menor também pode significar um sentido menor para a vida. Essa é uma armadilha comum. A resposta é procurar sempre um novo lugar, uma nova perspectiva existencial.Como disse John Barrymore,"só envelhecemos de verdade quando começamos a trocar nossos sonhos por arrependimentos".
Portanto: Aposentou-se? Assuma riscos diferentes, reinvente desafios, volte a estudar, compre um animal de estimação, participe de grupos de leitura, desempenhe trabalhos voluntários (que tal lecionar para crianças carentes?). Separou ou enviuvou? Viaje, faça aulas de dança, conheça pessoas e comece a namorar novamente. Certamente existem aventuras neste mundo que você gostaria de fazer e ainda não fez. Se não forem contra a Lei, faça-as imediatamente!

Então, abraços e "STO LAT"

"As rugas devem indicar apenas onde os sorrisos estiveram"!
Mark Twain

Vamos rir um pouco




Piadas de Advogados

O advogado, no leito de morte, pede uma Bíblia e começa a lê-la avidamente. Todos se surpreendem com a conversão daquele homem e perguntam o motivo. O advogado doente responde: "Estou procurando brechas na lei."


Dois peões estavam caminhando pela beira de uma estrada poeirenta, voltando de uma das fazendas onde haviam trabalhado duro o dia inteiro, quando o filho de um famoso juiz, que vinha a toda a velocidade na sua picape importada, atropela os dois com toda a violência. Um deles atravessou o pára-brisa e caiu dentro do carro, enquanto o outro voou longe. Três meses depois eles saíram do hospital e, para surpresa geral, foram direto para a cadeia. Um por invasão de domicílio e o outro por se evadir do local do acidente.


Dois amigos num bar conversam, quando um deles conta: "quebrei um espelho ontem. Eu deveria pegar sete anos de azar, mas falei com meu advogado e ele disse que consegue reduzir para cinco". Em outra audiência, o juiz pergunta ao réu: "O senhor não trouxe o advogado?" "Não, meritíssimo! Eu não tenho advogado. Resolvi falar a verdade!"


O filho, advogado recém-formado, chega todo sorridente para contar a novidade ao pai, advogado titular do escritório: "papai, papai! Em um dia, resolvi aquele processo em que você esteve trabalhando por dez anos!" O pai aplica um safanão na orelha do filho e berra: "Idiota! Esse processo é que nos sustentou nos últimos dez anos!"


Dois advogados, pai e filho, conversam: "Papai! Estou desesperado. Não sei o que fazer. Perdi aquela causa!" "Meu filho, não se preocupe. Advogado não perde causa. Quem perde é o cliente!"

Um açougueiro entra no escritório de um advogado e pergunta: "Se um cachorro solto na rua entra num açougue e rouba um pedaço de carne, o dono da loja tem direito a reclamar o pagamento do dono do cachorro?" "Sim, é claro" -- responde o advogado. "Então você me deve 8 reais. Seu cachorro estava solto e roubou um filé da minha loja" Sem reclamar, o advogado preenche um cheque no valor de 8 reais e entrega ao açougueiro. Alguns dias depois, o açougueiro recebe uma carta do advogado, cobrando 20 reais pela consulta.


Dois advogados estão na fila do banco, quando um bando de assaltantes invade a agência. Disfarçadamente, um dos advogados põe a mão no bolso da calça e passa uma nota de 100 reais pro outro, e explica: "É aquela grana que eu estava te devendo da semana passada."


Em uma noite chuvosa, dois carros se chocam em uma estrada. Um pertencia a um advogado, o outro a um médico. Ao sair de seu automóvel, o médico, preocupado, se dirige ao carro do advogado e pergunta se ele está ferido, examina-o brevemente e constata não haver nada de grave. Só então os dois passam a verificar o estado dos carros e como se deu a batida. Chegam à conclusão de que não havia como escapar do acidente na situação em que tinha acontecido: a estrada estava molhada, escura e malsinalizada. Como, todavia, o advogado já tinha ligado para a polícia rodoviária, resolveram ficar esperando enquanto a viatura não chegava, para avisar aos policiais que cada um ia assumir seus prejuízos. Conversa vai, conversa vem, o advogado vai ficando íntimo do médico e até lhe oferece uísque. O médico aceita, bebe três goles longos e pergunta:"E você, amigo, não vai beber?" O advogado responde: "Só depois que a polícia chegar".


Um advogado morre e pede em seu testamento que cada um de seus três sócios jogue 50 reais dentro de seu túmulo, na hora do enterro. O primeiro pensa muito, tira uma nota de 50 reais da carteira e a joga na cova. O segundo reluta bastante, mas também joga uma nota de 50 reais. O terceiro recolhe as duas notas de 50 e joga um cheque de 150 reais na cova.

Fonte : site morrer de rir